Avião-Pouso forçado no rio Hudson nos Estados Unidos

Publicado 16 de janeiro de 2009


Na hora certa e lugar certo é o que descrevem a imprensa internacional a respeito da habilidade do piloto Chelsey B. “Sully” Sullenberger ao pousar no rio Hudson


Ontem quinta-feira milhares de pessoas em todo o mundo, incluindo eu, acompanharam apreensivos o resgate dos sobreviventes do avião da empresa US Airways que caiu no rio Hudson, devido a problemas logo após decolagem, que segundo informação ainda não oficiais teria sido causada por pássaros que teriam acertado a turbina do AirBus 320.

Porém o mais impressionante disso tudo é que todos os passageiros e tribulação foram salvas, sem nenhuma vítima fatal, o que se deve segundo noticiado na impressa americana a habilidade e perícia do piloto Chelsey B. “Sully” Sullenberger, que esta sendo considerado um herói nacional, pois conseguiu realizar um pouso forçado nas águas geladas do rio Hudson com sucesso, preservando assim a vida de todos os passageiros e tripulantes.

E por muitos esse acidente aéreo esta sendo considerado um verdadeiro milagre, pois devido as circunstâncias que ele ocorreu, tinha grande possibilidades de se tornar uma grande tragédia, caso ele caísse em terras ou caso o pouso forçado sobre o rio Hudson não tivesse sucesso.

E com esses fatos concluímos que as vezes a famosa Lei de Murphy falha, e por sorte ela falhou no acidente do voo 1549 da US Airlines, para sorte, alegria e vida da 155 pessoas que estavam abordo do AirBus A-320.


Leia:

Comente via Facebook, ou diretamente no site utilizando o formulário no final da página:

Uma ideia sobre “Avião-Pouso forçado no rio Hudson nos Estados Unidos

  1. paulo da silva

    com certeza este homen deve ser um da queles que deus escolhe para ser seu anjo aqui na terra, por isso eo onosso heroi , sem duvida nenhuma, tomara que deus faça mais anjos por ai e que tenhamos sempre um desses por perto. q deus oa beçoe ha ja e´abençoado. valeu valeu valeuuuuuuuuuuu. sorte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*